Energia Solar no Brasil – Tudo sobre Energia Fotovoltaica no país

“Pesquisando e buscando tudo sobre Energia Solar no Brasil? Está no lugar certo! Aqui você vai entender tudo o que precisa saber antes de comprar um sistema fotovoltaico para sua casa ou empresa. Confira!”

Nos últimos anos, muito se tem comentado sobre a energia solar no Brasil, especialmente a partir de 2012 quando a ANEEL – Agência Nacional de Energia Elétrica regulamentou o sistema de créditos de Energia Solar através da Resolução Normativa 482 e posteriormente pela Resolução Normativa 687 de 2015.

Energia Solar no Brasil

Desde então, os consumidores de energia possuem autorização para solicitar a conexão a rede elétrica pública de sistemas próprios de energia oriundas de fontes renováveis, como a energia solar e a energia eólica.

Criou-se então os termos micro e minigeração de energia:

  • Microgeração de Energia: Na microgeração enquadram-se sistemas geradores de energia elétrica a partir de fontes renováveis com capacidade de até 100 Kw de potência.
  • Minigeração de Energia: Na minigeração enquadram-se sistemas geradores com capacidade superior a 100kw e de até 3 MW para energia proveniente de fontes hídricas e 5 MW para outras fontes de energia renovável, como a energia solar.

Com a entrada em vigor das resoluções o consumidor pode vender energia para a concessionária de sua produção própria e em troca receber créditos em sua conta de energia que podem reduzir o seu valor em até 95%.

Neste artigo, você vai conhecer um panorama completo da energia solar atualmente no Brasil e entender se realmente vale a pena investir neste segmento.

Vantagens da Energia Solar

Aqui vamos elencar as principais vantagens que o sistema solar pode proporcionar, para que você compreenda melhor o motivo de tamanho sucesso.

Energia Limpa e Renovável

A energia solar é uma das fontes de energia renováveis, ou seja teoricamente a sua fonte se renova e não está sujeita a condição de esgotamento.

Como o próprio nome indica a energia solar, possui como fonte geradora: o Sol. Esta gigantesca estrela brilhante é a responsável por emitir as ondas de luz e energia que alimentam os sistemas fotovoltaicos, ela está presente todos os dias e só depende de nós aproveitá-la melhor. É verdade que em alguns dias ela pode está encoberta pelo mal tempo, mas o sol sempre está disponível e enviando sua energia para terra.

E o termo energia limpa, quer dizer que o fato de utilizarmos a energia solar não traz quaisquer malefícios ao meio ambiente, muito pelo contrário, auxilia para sua melhoria, uma vez que quanto mais utilizada for a energia solar, menor será o consumo de outras fontes que agridem a natureza.

Fácil Instalação

Outra vantagem da energia solar é a sua facilidade de instalação, apesar de ser uma fonte energética que vem revolucionando o mercado, os seus princípios de funcionamento e instalação são muito simples.

Painéis solares são instalados em um local com abundância de luz solar, como por exemplo nos telhados, os painéis então absorvem a energia solar e a transferem para um equipamento conhecido como inversor solar e que possui a função de converter a energia recebida do sol para a energia que utilizamos em nossas residências e também de gerir a sua distribuição interna ou envio a rede pública de energia.

Baixa Manutenção

Os sistemas de energia solar exatamente por sua simplicidade requerem baixíssima manutenção. Em geral a manutenção do sistema solar consiste apenas na limpeza periódica dos painéis solares.

Excelente Vida Útil e Retorno do Investimento

Os sistemas de energia solar possuem excelente vida útil, estimada em 30 anos e o retorno de seu investimento pode ser completado em apenas 4 anos, ou seja o consumidor terá um longo período onde o sistema estará apenas gerando lucros.

Estima-se que a redução nas contas de energia cheguem a até 95% do valor original. Já imaginou um desconto de 95% em sua conta de energia pelos próximos 30 anos? É ou não é realmente interessante?

Valorização do Imóvel

As energias renováveis são muito bem vistas também no ramo imobiliário, afinal quem não deseja morar em uma casa que praticamente não tem custos com energia, não é mesmo?

E é por este motivo que os sistemas de energia solar fotovoltaica valorizam os imóveis, sendo este mais um ponto positivo, ou seja você economiza nas contas de luz e ainda aumenta o valor de mercado do seu imóvel.

A maior parte das casas de alto padrão recém construídas já contam com um sistema de energia solar fotovoltaica, mas este não é um luxo apenas deste segmento, mas também é viável para residências de menor porte.

Vantagens da Energia Solar Fotovoltaica no Brasil

Desvantagens da Energia Solar

Neste tópico, vamos fazer um contrapeso as vantagens, listadas anteriormente, mas você logo perceberá que são poucas as desvantagens do sistema e não tão significativas se comparadas as suas vantagens

Investimento Inicial

O investimento inicial para ter um sistema solar em casa ou empresa ainda é considerada a principal desvantagem do sistema. Este empecilho ocorre pois grande parte dos componentes de um sistema de energia solar, ainda são importados de outros países e acabam sujeitos a variação cambial, principalmente do dólar e também aos custos de frete.

Veja também:  Ar-Condicionado Solar - É possível um aparelho movido a Energia Solar?

Porém o que ameniza este empecilho são as empresas do setor que procuram comprar quantidades maiores de equipamentos e consequentemente conseguem negociar melhor os preços e também a vida útil dos painéis solares que acaba diluindo o investimento inicial.

Oscilação na Geração

Outro ponto considerado como desvantagem é a oscilação na geração da energia solar. Esta desvantagem acontece devido a disponibilidade da incidência solar, sabemos que em períodos noturnos não temos a incidência do sol e portanto não há produção de energia solar. Em períodos chuvosos também é diminuída de forma considerável a produção.

Porém com o sistema de créditos de energia esta desvantagem foi amenizada, uma vez que o consumidor pode trabalhar interligado a rede de energia pública e vender os excedentes produzidos no período de sol, compensando assim a utilização da energia pública nos momentos em que o seu sistema não possa produzir através da luz solar.

Formas de Armazenamento de Alto Custo

A energia solar em geral é utilizada instantaneamente assim que chega ao sistema solar, mas também pode ser armazenada em baterias solares, no entanto o custo destas baterias ainda é alto.

Atualmente existem dois sistemas de energia solar:

O sistema Off-Grid, onde o consumidor está completamente desligado e independente da rede pública. Neste sistema portanto, é necessário o uso de baterias para armazenar a energia gerada durante o dia para consumo noturno. Este modelo acaba possuindo um maior custo de investimento inicial e portanto só é indicado para locais sem rede pública de distribuição.<

O outro modelo é o mais utilizado e conhecido como On-Grid, onde o consumidor continua conectado a rede pública, sendo esta a responsável por suprir a demanda em momentos onde não há sol, sendo assim o uso de baterias não é necessário e como consequência o custo do sistema diminui.

Como podemos ver a bateria nem sempre é considerada uma desvantagem, pois o seu uso é opcional para o funcionamento do sistema.

Energia solar residencial e empresarial no Brasil

Energia Solar Residencial no Brasil

A energia solar no Brasil vem crescendo em ritmo acelerado, o país já superou a marca de 2,1 gigawatts de potência instalada, segundo dados da Aneel. Para se ter uma ideia da magnitude do sistema, estima-se que seja possível atender cerca de 2 milhões de brasileiros com a energia solar gerada, o que corresponde a 1,27% da matriz de geração energética do país.

No Brasil a maior parte das residências com sistemas solares instalados, utilizam o sistema On-Grid, ou seja continuam conectadas à rede pública de energia, dispensando assim a utilização de baterias solares e portanto barateando o investimento.

E os avanços não param, atualmente existem cerca de 31 usinas solares em produção e que juntas podem elevar a capacidade de produção Brasileira em termos de energia solar a cerca de 3,3 gigawatts.

Estima-se que 70% da capacidade energética solar do país esteja distribuída entre consumidores com sistemas próprios de geração de energia e que devido a marco regulatório dos créditos de energia, forneçam a mesma para a rede pública e o restante esteja distribuído entre as usinas solares do país.

A região que envolve uma faixa de Minas Gerais ao nordeste do país é a que concentra boa parte dos investimentos em usinas solares, pois esta faixa representa a parte do território nacional com maior incidência solar do Brasil, o que corresponde a um retorno mais rápido aos investidores, devido a maior capacidade de aproveitamento solar na região.

Energia Solar para Empresas Brasileiras

A energia solar no Brasil vem chamando a atenção de muitas empresas. Isso tem acontecido pois as altas tarifas de energia do país fazem com que as empresas busquem alternativas para redução de custos operacionais.

Mas, não é somente pela redução de custos que a energia solar chama a atenção, mas também para o fortalecimento da marca das empresas, uma vez que empresas com práticas sustentáveis são muito bem vistas tanto por investidores quanto por consumidores.

No Brasil algumas empresas já realizaram investimentos consideráveis no setor.

Uma destas empresas é a Claro que é proprietária de um complexo solar no interior de Minas Gerais com 45 hectares e recentemente inaugurou um outro complexo em Brasília. Os investimentos da companhia visam atender o consumo energético das torres de telefonia, escritórios e lojas espalhadas pelo Brasil.

Quem também investiu pesado na energia solar foi a estatal brasileira Petrobras, que construiu na cidade de Alto do Rodrigues no Rio Grande do Norte um complexo para utilização própria com capacidade de geração de 1.100 kilowatts.

As empresas acima são apenas alguns exemplos de investimentos no setor, porém diversas outras companhias do país tem investido nos sistemas em busca de redução de custos e também preocupadas com a sustentabilidade.

Veja também:  Tipos de Energia Solar - Principais Fontes de Energia no mundo

diminuir conta de energia no Brasil

Diminuindo a Conta de Luz com Energia Solar

Como é do conhecimento de todos, a energia elétrica no Brasil custa caro, mas é possível diminuir a sua conta de luz em até 95% com a adoção de sistemas solares de energia.

A sua conta de energia está cada vez mais cara, isso porque na verdade estão ali incluídos diversos impostos, entre eles o PIS, COFINS, ICMS, a taxa de iluminação pública, entre outros. Para que você tenha uma ideia, cerca de 40% do valor de sua conta está atrelada ao pagamento de impostos.

Além destes valores você ainda está sujeito às bandeiras tarifárias de energia. Este sistema de bandeiras está dividido em quatro faixas, conforme abaixo:

  • Bandeira Verde – Indica que as hidrelétricas operam normalmente e o nível dos reservatórios é bom, neste caso não há alterações no valor da energia.
  • Bandeira Amarela – Indica que as usinas térmicas estão ativadas para suprir a demanda, sendo assim será acrescido R$ 1,50 a cada 100 Kwh consumido.
  • Bandeira Vermelha Patamar I – Indica que as usinas térmicas estão operando e a demanda energética é alta, gerando um acréscimo de R$ 4,00 em sua conta de energia a cada 100 kwh consumidos.
  • Bandeira Vermelha Patamar II – Indica que as usinas térmicas estão operando em nível superior ao do patamar I, sendo gerado um acréscimo de R$ 6,00 por cada 100 Kwh consumidos.

Todos estes custos têm incentivado os consumidores a buscarem alternativas para reduzir suas contas de energia. Entre as alternativas a que mais vem crescendo no país é justamente a energia solar.

No sistema fotovoltaico o consumidor pode instalar em sua própria residência painéis solares para atendimento a sua demanda, com retorno do investimento inicial em cerca de 4 anos e uma vida útil de 30 anos. Realmente podemos considerar a energia solar um excelente investimento e alternativa para redução em sua conta de energia.

Instalar energia solar é simples e em geral leva cerca de 2 ou 3 dias. São instalados painéis fotovoltaicos e um inversor conectado a rede elétrica do cliente. Sendo ainda possível vender o excedente paras a concessionária de energia e receber créditos nas contas de energia.

Para instalação do sistema recomendamos a procura por uma empresa especializada e que possa entregar um bom projeto com preços justos e boas condições de pagamento.

Melhores Cidades Brasileiras para ter um Sistema Solar

Um dos principais parâmetros para definir os melhores locais para instalação de sistemas solares no Brasil é o grau de incidência solar do Estado. Quanto maior for a incidência, maior será a respectiva produção. Mas não podemos desconsiderar também os incentivos fiscais concedidos por alguns estados.

O Brasil em si é um país muito interessante para captação de energia solar, porém existem algumas regiões com maior incidência solar. A campeã, como não poderia ser diferente é a região Nordeste, esta é a região com maior incidência de sol do país, seguida pelas regiões Centro-Oeste e Sudeste. Apesar disso as regiões Norte e até mesmo a região Sul possuem plenas condições de receber investimentos no setor.

Incidência solar no Brasil

Veja abaixo o Índice Comerc Solar que demonstra as melhores cidades para investir em energia solar e o seu tempo médio de retorno do investimento em anos:

Pos. Cidade Brasileira Prazo (em anos) de Retorno
1 Teresina – PI 2,86
2 Manaus – AM 3
3 Campo Grande – MS 3,07
4 Natal – RN 3,08
5 Recife  – PE 3,09
6 Aracaju – SE 3,12
7 Cuiabá – MT 3,15
8 Rio de Janeiro – RJ 3,18
9 Salvador – BA 3,19
10 João Pessoa – PB 3,21
11 Brasília – DF 3,22
12 Goiânia – GO 3,28
13 Vitória – ES 3,28
14 Belo Horizonte  – MG 3,29
15 Fortaleza – CE 3,39
16 São Luiz – MA 3,41
17 Porto Alegre – RS 3,46
18 Belém – PA 3,47
19 Macapá – AP 3,58
20 Maceió – AL 3,75
21 Porto Velho – RO 3,99 
22 Florianópolis – SC 4,01
23 Curitiba – PR 4,16 
24 São Paulo – SP 5,52 
25 Rio Branco – AC 6,63 

Usinas de Energia Solar Fotovoltaica no Brasil

Além dos sistemas residenciais que são mais popularmente conhecidos no Brasil, o país já conta com algumas usinas de energia solar fotovoltaica. Aqui você vai conhecer as maiores em capacidade de produção energética e se surpreender.

Usina Solar Pirapora – Pirapora – MG – 321 Megawatts

A Usina Solar Pirapora está localizada na capital de Minas Gerais, a cidade de Belo Horizonte.

A usina ocupa uma área equivalente a 1.500 campos de futebol e conta com mais de um milhão de painéis solares, sendo considerada a maior usina solar da América Latina. A sua capacidade de abastecimento é capaz de atender a cerca de 400 mil residências.

Veja também:  Vantagens e Desvantagens do Sistema Solar Térmico

Usina Solar Nova Olinda – Ribeira do Piauí – PI – 290 Megawatts

A Usina Solar Nova Olinda está localizada no estado do Piauí, na cidade de Ribeira do Piauí. Com uma área equivalente a quase 1.000 campos de futebol, a usina conta com 930 mil painéis solares. Estima-se que a sua capacidade de produção possa atender aproximadamente 300 mil residências.

Usina Solar Ituverava – Tabocas do Brejo Velho – BA – 254 Megawatts

A Usina Solar Ituverava está localizada no estado da Bahia, na cidade de Tabocas do Brejo Velho. A usina possui uma área equivalente a aproximadamente 800 campos de futebol e conta com 850 mil painéis solares. Estima-se que a sua capacidade de produção garanta energia a cerca de 250 mil residências.

Usina Solar Bom Jesus da Lapa – Bom Jesus da Lapa – BA – 158 Megawatts

A Usina Solar de Bom Jesus da Lapa, está localizada também no estado da Bahia, mais precisamente na cidade de Bom Jesus da Lapa. A usina possui capacidade para produzir 158 Megawatts de potência, o que é suficiente para atender aproximadamente 170 mil residências brasileiras em uma área equivalente a 500 campos de futebol.

Usina Solar Guaimbê – Guaimbê – SP – 150 Megawatts

A Usina Solar Guaimbê fica localizada no estado de São Paulo, na cidade de Guaimbê que dá nome a usina. A sua capacidade de produção é de 150 Megawatts de potência, sendo capaz de alimentar cerca de 150 mil residências.

Usina Solar Apodi – Quixeré – CE – 132 Megawatts

A Usina Solar Apodi, está localizada no estado do Ceará, na cidade de Quixeré. A usina possui capacidade de produção de 132 Megawatts de potência e conta com cerca de 500 mil painéis solares em uma área equivalente a 500 campos de futebol, sendo estimado que a sua capacidade de produção possa atender cerca de 135 mil residências.

Usina Solar Horizonte – Tabocas do Brejo Velho – BA – 103 Megawatts

A Usina Solar Horizonte está localizada no estado da Bahia, na mesma cidade da Usina Solar Ituverava, o município de Tabocas do Brejo Velho. A sua capacidade de produção é de 103 Megawatts de potência. A Usina conta com 330 mil painéis solares e estima-se que possa atender a cerca de 108 mil residências.

Bancos que Financiam Energia Solar no Brasil

Devido ao valor do investimento inicial em um projeto de energia solar no Brasil, surgiram algumas linhas de financiamento que buscam facilitar a aquisição e implantação do sistema.

Conheça abaixo algumas linhas de financiamento disponíveis no Brasil:

Instituição Valor Financiado (%) Taxa de Juros (%) Prazo de Pagamento
Banco do Nordesde – BNB até 100% 6,5% a 11% a.a Até 144 meses
Banco Santander até 100% 1,45% a.m Até 36 meses
Banco Sicredi até 100% 1% a 3% a.m Até 60 meses
Banco da Amazônia até 100% 0,6% a 1% a.m Até 144 meses
Banco do Brasil até R$ 165 mil 2,55% a 5,5 a.a Até 144 meses
Banco Nacional do Desenvolvimento – BNDES até 70% 6,5% a 7% a.a Até 216 meses
Caixa Econômica Federal até 100% 1,4% a 1,85 a.m Até 240 meses
BV Financeira até 100% 1,48% a.m Até 60 meses

Para saber como funciona, como contratar e todas as informações necessárias para financiar o seu sistema solar residência ou empresarial, leia o nossos textos:

Vale a pena Investir em Energia Solar no Brasil

Se você chegou até aqui, aprendeu e conheceu muito sobre energia solar no Brasil. Então agora vamos a pergunta final! Vale a pena investir em energia solar no Brasil?

Caro leitor, vale muito a pena investir em energia solar e ainda mais quando estamos falando de Brasil.

– A energia solar é uma fonte renovável e não poluidora do meio ambiente.

– A sua manutenção é praticamente zero, não gerando custos extras ao longo da fase de utilização.

– A sua instalação é simples e você ainda pode contar com financiamentos para facilitar o pagamento do investimento.

– O tempo de retorno do investimento é de em média apenas 4 anos e os rendimentos são superiores a investimentos tradicionais como a poupança.

– E o melhor, você vai reduzir a sua conta de energia em até 95%, deixando de está sujeito ainda às variações tarifárias e tributárias do país em relação a energia.

Então, não perca tempo, procure uma empresa especializada e planeje o seu sistema solar fotovoltaico.